quinta-feira, 27 de maio de 2010

O que é a melamina?

A melamina é uma base orgânica encontrada principalmente na forma de cristais brancos, sendo constituída maioritariamente por nitrogénio. É sintetizada comercialmente a partir da ureia e tem um passo intermediário em que há a formação de acido ciânico. A reacção produz também outros bioprodutos tais como: acido cianúrico, amnelina, e amnelida. O nitrogénio constitui 66% do peso molecular da melamina. É combinada com formaldeído pela indústria para a produção de resinas de melamina, um plástico muito estável, incluindo a altas temperaturas. A melamina é também um dos componentes principais da corante amarelo 150, que é utilizado em tintas e plásticos. Desde 1958 que este composto tem sido usado como fertilizante e ocasionalmente como fonte de nitrogénio não proteico para gado; porém chegou-se á conclusão que não é uma boa fonte de nitrogénio dado que a sua hidrólise nos ruminantes ocorre muito devagar.


Figura 1: - Estrutura química da melamina. Existem seis átomos de nitrogénio numa molécula de melamina. Nome IUPAC da melamina: 1,3,5-triazina-2,4,6-triamina.


Tabela 1. Propriedades químicas da melamina

A melamina é industrialmente usada no fabrico de plásticos, adesivos, resinas, colas, laminados, revestimentos e produtos anti-chama. A palavra melamina é usada para referir tanto o nome químico como o plástico que é feito a partir dela.



A melamina não tem uso alimentar aprovado, nem existem nenhumas recomendações no Codex Alimentarius. Esta substância tem sido ilegalmente adicionada a produtos alimentares com o objectivo de aumentar o conteúdo aparente de proteína, o que tem levado a problemas de saúde.



Baseado em:
Background Paper on Toxicology of Melamine and Its Analogues; R. Reimschuessel, Center for Veterinary Medicine, United States Food and Drug Administration, Laurel, MD, USA; D.G. Hattan and Y. Gu, Center for Food Safety and Applied Nutrition, United States Food and Drug Administration, College Park, MD, USA;WHO, Geneva,2009
Hau, Anthony Kai-ching; Kwan, Tze Hoi and Li, Philip Kam-tao (2009) Melamine Toxicity and the Kidney ; J Am Soc Nephrol 20: 245–250, 2009.

3 comentários:

  1. Tenho alguns pratos chineses feitos de Melamina, é arriscado usar eles, principalmente, ao aquecer alimentos em microondas, liberando formol ou nitrogênio em formas tóxicas (NO2, etc)?

    ResponderExcluir